For Why logo

Seja um varejista moderno e inspire-se nas guide shops
Dicas para lojistas

Seja um varejista moderno e inspire-se nas guide shops

Com a proliferação de compras online, ficou mais difícil para os varejistas atrair os consumidores para as lojas físicas. É por essas e outras que um modelo misto de varejo tradicional com totens locais para compras online, as chamadas guide shops, estão cada vez mais caindo no gosto dos clientes. 
 
Nestas  guide shops, estabelecimentos necessariamente ligados a um e-commerce, não existem caixas para pagamento. Com a ajuda de vendedores, as compras são feitas no próprio site do negócio através de tablets e computadores espalhados pelo espaço. 
 
 
 
 
Um dos maiores exemplos de que esse modelo é um sucesso é a cadeia de fast fashion brasileira Amaro, que funciona como uma espécie de vitrine dos produtos da página online da marca. Pelas lojas da marca, espalhadas pelos shoppings de maior circulação do Brasil, as clientes podem experimentar as roupas que estão ali em apenas uma peça de cada tamanho. O pedido é finalizado nos computadores/tablets, com ajuda dos vendedores, e as peças chegam na casa do consumidor em menos de 24 horas. 
 
Para os empresários que pensam em investir neste modelo de negócios na moda, sem dúvida, a maior das vantagens é ganhar um espaço para expor seus produtos, sem precisar cuidar ou fazer inventário de um estoque grande e complexo. Outro ponto positivo é contar com um depósito central para abastecer todos os canais de venda, que evita o problema de falta de mercadorias em lojas físicas na hora da compra. 
 
 
 
 
Dica 4Y: para implementar esse modelo de negócio, vale a pena pesquisar bastante e desenvolver um site/aplicativo especial (e exclusivo) para sua loja. Caso não entenda muito de tecnologia, fique tranquilo, pois hoje em dia existem inúmeras agências voltadas exclusivamente para desenvolver produtos para esse mercado. 
 
 
Texto por Vanessa Kopersz 
Imagens Unsplash 

Talvez você também goste