For Why logo

Quais as habilidades um bom gerente precisa ter?
Dicas para lojistas

Quais as habilidades um bom gerente precisa ter?

Quer saber quais as habilidades os gerentes de loja tem de ter hoje em dia? Então dá uma olhada na lista abaixo. 
 
Agilidade para respostas
 
Uma das capacidades mais valorizadas em figuras de liderança é a de conseguir dar retornos rápidos e agir de forma dinâmica diante das situações inesperadas do cotidiano profissional. Um bom gerente consegue planejar e seguir o planejamento estipulado mas também, se adaptar e atender demandas no momento em que elas surgem.
Para conseguir agilidade nas respostas, é essencial ter uma visão estratégica do negócio, para conseguir prever situações e já se preparar para encará-las. O bom líder deve não só agir assim, mas também incentivar sua equipe a fazer o mesmo.
 
Capacidade de tomar decisões
 
Indecisão pode até fazer parte da vida, mas com certeza não faz parte da esfera profissional. Para liderar um comércio, é preciso tomar decisões inteligentes com agilidade, segurança e firmeza.
Um gerente eficiente não se incomoda com a pressão de ter que fazer escolhas. Ao contrário, sabe lidar com as cobranças com responsabilidade, mantendo a produtividade e a coesão da equipe. O que o mercado quer é que os líderes sejam excelente gestores de crises, pois elas inevitavelmente acontecem.
 
Ter sensibilidade para lidar com pessoas
 
Um gerente de sucesso deve ter a sensibilidade necessária para entender pessoas e identificar qual a melhor forma de lidar com elas. É comum que figuras em cargo de liderança adotem uma forma única de agir e a apliquem com todo o seu público de relacionamento. Mas isso é um erro. É preciso entender que a equipe é heterogênea: o que funciona para um não funciona para o outro (abordagem de cobrança, ações de motivação etc.). Além disso, fornecedores pedem um jeito de agir e clientes pedem outro, por exemplo. Flexibilidade é, então, uma habilidade preciosa.
 
Saber liderar, motivando e inspirando
 
Muito se fala das diferenças entre um “chefe” e um “líder”, não é mesmo? Um gerente de sucesso é necessariamente um bom líder. Isso significa ser capaz de alcançar o engajamento de sua equipe de vendedores, motivando-a ao reconhecer as potencialidades de cada um e inspirando-a pelo exemplo.
Para que isso funcione, um bom gerente trabalha junto com a sua equipe, e não em uma posição isolada ou autoritária. Quanto mais próximo o gerente estiver de seu time, melhor. Com conversa, abertura e apoio, os colaboradores se sentirão encorajados a trabalhar buscando os melhores resultados.
 
Ser transparente e saber compartilhar
 
É muito importante que  o líder seja transparente para tratar de assuntos do cotidiano profissional. Se há um problema, é melhor compartilhá-lo logo com sua equipe, falando com jeito, sem deixar a dúvida e a especulação criarem medos ou fofocas desnecessárias.
Um gerente de sucesso compartilha, também, os seus objetivos. É comum que líderes cobrem comprometimento de seus liderados sem definir e comunicar corretamente quais são as metas e expectativas. Mantenha-se alinhado com sua equipe e os resultados virão.
 
Ter ética pessoal e profissional
 
Se um gerente de sucesso inspira pelo exemplo, isso implica ser admirado pela sua conduta. Por isso, é importante ser conhecido pela ética impecável, tanto pessoal quanto profissional. É preciso ter jogo de cintura sem abrir mão de seus valores básicos.
Um gerente honesto, que trata a todos com o devido respeito, que sabe ouvir outras pessoas e que não passa por cima de ninguém para exercer sua liderança é o perfil mais próximo do ideal. Pode ter certeza: sua equipe vai anotar mentalmente aquele “bom dia” não dado ou a indiferença com que tratou uma demanda de um funcionário. Seja vigilante quanto às suas ações.
 
Procurar e dar feedback
O bom profissional não deve ter medo de ser avaliado porque busca constantemente melhorar o seu desempenho. Por esse motivo, o gerente de sucesso encara com seriedade e abertura o feedback. Ele pode vir dos superiores, dos colegas de trabalho ou mesmo dos liderados.
Sua reação a determinada situação foi bem recebida? O que você poderia ter feito de outra forma? Pedir retorno mostra humildade, uma característica muito bem-vinda em qualquer profissional, especialmente em líderes.
Além de receber, dê feedback. Elogie aquela pessoa que agiu bem, alcançou um resultado positivo ou que está visivelmente se esforçando. Se precisar interferir para fazer uma crítica, faça com respeito, discrição e sensibilidade.
 
Dica 4Y: Não se esqueça: mais do que tudo, um bom gerente precisa ter empatia, sensibilidade e jogo de cintura. 
 
 
 
Texto por Vanessa Kopersz 

Talvez você também goste