For Why logo

Como escolher um bom software de gestão de vendas
Dicas para lojistas

Como escolher um bom software de gestão de vendas

Donos de comércios varejistas sempre estão pensando nas melhores opções que existem no mercado para escolher o software de gestão de sua loja. Com o avanço da Tecnologia da Informação, as escolhas podem ser inúmeras e abaixo listamos uma série de fatores que devem ser levados em conta na hora de optar por um.
 
Avalie as necessidades de sua loja
 
Antes de começar a escolher o software de gestão é importante que esteja claro quais os problemas você quer resolver. Normalmente são vários e é importante manter isso em mente, pois, muitas vezes, você precisará abrir mão de alguns atributos para ter outros. É muito difícil encontrar um software completo, que tenha todas as funcionalidades que você precisa, ou vai precisar no futuro, e que seja muito simples de mexer. Ou seja, simplicidade e software completo, normalmente, são atributos conflitantes.
 
Regras de negócio e particularidades
 
É fundamental que você busque um software focado no seu segmento. Cada negócio tem suas particularidades e ter um software que as atendam faz você ganhar produtividade. Você ainda ganha com ideias que foram implementadas em outros clientes de seu segmento. E mais...ao adquirir um software você não só compra um produto, você passa a fazer parte de um grupo de usuários. Assim também terá acesso às novidades e a novas implementações.
 
Estrutura
 
É importante avaliar os equipamentos necessários para utilização do sistema de gestão. Esse quesito pode variar muito de software para software, principalmente porque atualmente existem vários softwares em nuvem, que não exigem um servidor local, possibilitando economia. Se você é um varejista com uma loja e for optar por um sistema simples, a opção do software em nuvem é excelente, pois você não precisa se preocupar com investimentos em servidor e backup, tampouco ter funcionários capacitados nesses assuntos. Se seu caso é o de uma loja maior, com uma operação mais complexa, o software local tem suas vantagens, uma vez que não depende da internet para funcionar, ou seja, sua loja não para. Nesse caso, é importante ter pessoas capacitadas para resolver os problemas do dia a dia.
 
 
 
 
Legislação
 
Na hora de escolher o software de gestão para sua loja é fundamental que você procure um que atenda às exigências da legislação brasileira. Para o varejista, isso é muito importante, pois no Brasil temos uma alta carga tributária e uma legislação complexa,  cujo não cumprimento pode gerar problemas como multas e impossibilidade de emissão de notas fiscais. Portanto, é fundamental que você escolha um software de gestão que atenda às obrigações fiscais no seu PDV, isso evitará dores de cabeça e novos custos para regularização.
 
Implantação
 
Já avaliou os problemas que você quer resolver? O software atende às particularidades do seu segmento de atuação? Qual é a estrutura necessária e quais são as obrigações legais? Agora é hora de pensar na ação! É importante prestar atenção no processo de implantação. O sistema de gestão é apenas uma ferramenta. São as pessoas que vão utilizá-lo e criar valor com o mesmo. Portanto, muita atenção nesse passo. É importante engajar seus funcionários.
 
Fornecedora do Sistema de gestão
 
Por último, mas não menos importante, é preciso avaliar a fornecedora de software. Não é como um fornecedor de mercadoria que você pode trocar de uma hora para outra, por isso, é fundamental que você conheça o histórico da empresa, suas referências de clientes (que não devem ser poucas) e seus reconhecimentos no mercado. Não se deixe levar por uma pequena diferença de preços. Uma empresa que conta com estrutura, profissionais capacitados e bons produtos, pode ter um preço maior, pois qualidade, normalmente, custa mais caro. Além disso, o sistema de gestão não é apenas um produto que você consome, existem pessoas no atendimento e desenvolvimento que serão acionadas quando você precisar. Por isso, avalie com cuidado a fornecedora do sistema de gestão que você vai implantar na sua empresa.
 
DICA FINAL: Tendo referências de outros clientes que trabalham com a empresa escolhida, faça uma pesquisa! Pergunte aos outros lojistas o que eles acham do software para ponderar pontos positivos e negativos antes de fechar o contrato.
 
 
 
Texto por Vanessa Kopersz
Foto Pixabay 
 

Talvez você também goste