For Why logo

AMOR EM TEMPOS DE REDES SOCIAIS
Lifestyle

AMOR EM TEMPOS DE REDES SOCIAIS

Mesmo as mais resistentes ao avanço da era digital não tem como fugir: o amor vem se espalhando através das redes sociais. Inclusive muitos dizem que as novas mesas de bares são aplicativos como Happn, Tinder e Facebook.  É a era do “Amor Líquido”, como bem descreve o sociólogo polonês Zigmunt Bauman. Vivemos relacionamentos permeados por laços momentâneos, frágeis e volúveis.

 

E o mundo nunca foi tão dinâmico. Daí, nada mais natural do que surgirem termos para identificar novas atitudes que caracterizam a vida contemporânea. Claro que esses termos vêm do inglês, língua dominante no mundo virtual. Por exemplo, se você vive um relacionamento sem laços, rótulos, que não é nem uma amizade, mas também não é um namoro, você está em uma “situationship”, parecido com o antigo “rolinho” usado aqui no Brasil.

 

Foto: Pinterest/Reprodução

 

Existem ainda outros termos do dicionário de amores da era líquida. Por exemplo, “ghosting ”é o termo usado quando alguém com quem você estava saindo corta qualquer tipo de contato, dando a sensação de que não está mais interessado. Normalmente, a pessoa age assim por estar receosa e não querer assumir um relacionamento mais sério. Ele, ou ela, se torna um “ghost” (fantasma). Já a palavra “haunting” é usada quando a pessoa com quem você estava saindo e que tinha desaparecido de repente, reaparece na sua vida, geralmente seguindo você nas redes sociais ou curtindo frequentemente o que você posta. No entanto, não há contato direto. É como se o “ghost” (fantasma) dessa pessoa que você já pensava que tinha “morrido” na sua vida voltasse para “haunt” (assombrar) você.

 

Já o termo “lemming” trata de alguém que está se relacionando com uma pessoa, mas que irá descartá-la imediatamente se outra pessoa em quem está interessado -e que está em outro relacionamento- fique solteira. Assim que isso acontecer, o “lemming” irá  atrás dessa outra pessoa.

 

Um pouco complexo o dicionário não?! Mas esperamos que seja de grande ajuda para você que vive na era dos relacionamentos e amores líquidos! 

 

Texto por Vanessa Kopersz

 

Talvez você também goste